Grupo Ageas reforça recomendações para a tempestade Bárbara

No seguimento da tempestade “Bárbara”, os distritos de Lisboa, Setúbal, Santarém, Portalegre e Castelo Branco vão estar sob aviso vermelho, entre as 12:00 e as 18:00 de terça-feira, que dará origem a precipitação forte, aumento da intensidade do vento com rajadas até 100 quilómetros por hora e até 130 quilómetros por hora nas terras altas e agitação marítima, em especial na costa da região sul.

O Grupo Ageas Portugal informa que as linhas de atendimento para apoio à participação de sinistros encontram-se preparadas para receber o maior número de chamadas possível e estão disponíveis através:

  • Ageas Seguros: 217 943 039
  • Ocidental: 210 042 490
  • Seguro Directo: 218 612 323

Além das recomendações da Proteção Civil, o Grupo Ageas Portugal recomenda as populações locais a:

  • Garantir a desobstrução dos sistemas de escoamento das águas pluviais e retirada de inertes e outros objetos que possam ser arrastados ou criem obstáculos ao livre escoamento das águas;
  • Não atravessar zonas inundadas, de modo a precaver o arrastamento de pessoas ou viaturas para buracos no pavimento ou caixas de esgoto abertas;
  • Garantir uma adequada fixação de estruturas soltas, nomeadamente, andaimes, placards e outras estruturas suspensas, ter especial cuidado na circulação e permanência junto de áreas arborizadas, estando atento para a possibilidade de queda de ramos e árvores, em virtude de vento mais forte;
  • Ter especial cuidado na circulação junto da orla costeira e zonas ribeirinhas historicamente mais vulneráveis a galgamentos costeiros, evitando se possível a circulação e permanência nestes locais;
  • Estar atento às informações da meteorologia e às indicações da Proteção Civil e Forças de Segurança e nos terrenos confinantes com rios e cursos de água, historicamente sujeitos a cheias e inundações, retirar os animais e os equipamentos agrícolas.

Os cuidados devem continuar pós-tempestade:

  • Não propague rumores ou informações exageradas sobre a situação;
  • Se há feridos, reporte-os imediatamente aos serviços de emergência;
  • Permaneça em sua casa, caso esta não tenha sofrido danos;
  • Certifique-se de que os seus aparelhos elétricos estão secos antes de os ligar;
  • Colabore com os seus vizinhos na reparação dos danos;
  • Em caso de necessidade, solicite a assistência das brigadas de salvamento ou das autoridades mais próximas.

Contactos

Partilhe esta notícia

Achou o conteúdo desta notícia útil?