Grupo Ageas vende edifício Fernandes Tomás 352, no Porto

O Grupo Ageas Portugal anuncia a venda do edifício Fernandes Tomás 352, localizado no centro da cidade Porto, ao Grupo Taga Urbanic - grupo de investimento imobiliário que se encontra a desenvolver diversos projectos imobiliários em Portugal, principalmente no Porto. O imóvel está atualmente orientado para escritórios e retalho, mas poderá no futuro passar por uma reconversão de foro residencial.

Esta transação, avaliada em aproximadamente 11 milhões de euros, foi assessorada pela CBRE e, na componente jurídica, pela Abreu Advogados.

Segundo Gilles Emond, Head of Real Estate do Grupo Ageas Portugal, “com esta venda continuamos o reequilíbrio da carteira de investimento imobiliário para ativos mais estabilizados (core/core +). Em 2021, daremos continuidade à nossa estratégia, mas o foco principal serão os novos investimentos em Portugal, com a ambição de crescer em escritórios e ativos operacionais. Esta estratégia de crescimento será também suportada pela entrega este ano da nossa nova sede em Lisboa e no Porto”.

Nuno Nunes, Head of Capital Markets na CBRE Portugal refere que “Este negócio vem confirmar que a atratividade do Porto se mantém inalterada, assim como o interesse dos investidores, tanto institucionais como privados. É uma cidade absolutamente fundamental para a estratégia da CBRE e para o seu negócio”.

O negócio traduz a segunda venda importante anunciada pelo Grupo Ageas Portugal, que desenvolve a sua estratégia de investimento no setor de imobiliário em dois segmentos: espaços de escritórios e imobiliário operacional.

No âmbito desta estratégia o Grupo anunciou, em agosto do ano passado, a aquisição do edifício Expo Tower, no Parque das Nações, tendo sido já anunciadas, em 2019, a compra de três edifícios (Rua Castilho, Entrecampos e Benfica), e no início de 2018, o desenvolvimento de uma nova sede em Lisboa, no Parque das Nações, e no Porto, em Ramalde.

Edifício Fernandes Tomás 352, no Porto

Partilhe esta notícia

Achou o conteúdo desta notícia útil?